“N” VERSUS “N” e a cultura do estupro

Não é possível formar uma opinião com bases em imagens e fatos pouco organizados. Não é possível dizer, categoricamente, que alguém está mentindo, armando, com base em argumentos morais, com base em comportamentos sexuais não aceitos pela moralidade cristã da família, de uma sociedade patriarcal, admitindo-se, de antemão, o que …

Metas para o próximo ano

  Cultivar mais felicidades do que tristezas. Não me esquecer de dizer que amo as pessoas que amo. Trabalhar com o que realmente amo ou melhorar minha atitude em relação ao trabalho que desempenho agora. Cuidar da saúde. Estabelecer objetivos e marcos. Não esperar acontecimentos para realizar planos. Deixar verdadeiramente …